Pesquisar este blog

23 de outubro de 2011

Um poema para chamar de meu


Um poema para chamar de meu
 ~
Letras que cantam
Canções da alma em forma de poesia
Músicas que ecoam cantoria
Para o coração.
Toda poesia é uma canção
Sem dono, sem destino
Como vento matutino
A soprar-nos o rosto em manhã de verão.
Como o poeta poderia
Fazer-te musa e daí poesia
Pelos simples presente
Que o poema é
Sem retratar teus encantos de mulher
Virtudes ou sentimentos,
Apenas letras que o coração escreveu
Neste poema para você chamar de meu?
Magnus 23/10/2011

2 comentários:

  1. Maravilhoso e lisonjeiro demais.
    Emocionada...
    Bjo.

    Sylvana Mariz de Oliveira.

    ResponderExcluir

É importante saber sua opinião. Obrigado, Magnus

Marcadores