Pesquisar este blog

24 de fevereiro de 2014

ABUSADO


ABUSADO

Frase mal terminada
Palavra atravessada
E lá estávamos
Entre verbos desinterpretados
E reinterpretados
A gosto do ouvido

Daí, de abusado fui taxado
Descrito e sentenciado.
Em minha defesa
Recurso, apelação
Logo disse: Não é isso não
Coisa da sua imaginação!

Fui então, novamente
Reinterpretado
Fui desculpado, inocentado
Com sentença revertida
Pela tal palavra mal ouvida.

Agora, depois de concluído
Penso que o tal ouvido
Tinha lá sua razão
Já que a dubiedade
Também escondia uma intenção
De dizer sem comprometer
E quem sabe
Gozar das benesses daquele dizer.

Magnus 24/02/2014

Nenhum comentário:

Postar um comentário

É importante saber sua opinião. Obrigado, Magnus

Marcadores